fbpx
A importância das soft skills para a carreira

Antes de falar sobre soft skills e carreira preciso compartilhar alguns dados para que você possa compreender, ao longo desse artigo, a importância das soft skills na sua carreira.

Em 2016 a IBM deu indicativos de que “a capacidade de se comunicar efetivamente em um contexto de negócios e recursos técnicos CTEM – Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática” seriam duas capacidades que os profissionais precisariam adquirir.

No ano de 2018 as duas habilidades mais procuradas pelas empresas foram “gerenciamento de tempo e capacidade de priorizar” e “flexibilidade, agilidade e potencial de adaptação às mudanças”.

Já em 2019 o IBV (Institute for Business Value) da IBM afirmou que 7,2 milhões de profissionais brasileiros precisariam adquirir novas competências.

Durante o Fórum Econômico Mundial, também em 2019, foi dito que até 2020 haveria uma mudança de 35% das habilidades necessárias para a maioria das ocupações.

Analisando essas afirmações ao longo dos anos é possível observar como o mercado foi mudando e com ele a necessidade de atualização dos trabalhadores, principalmente nos últimos 2 anos.

Isso mostra que desenvolver as habilidades técnicas não é mais suficiente para conseguir o emprego e a carreira dos sonhos. Para ir mais longe e aumentar as oportunidades agora é preciso desenvolver as habilidades comportamentais, também conhecidas como soft skills.

Por que as soft skills são importantes

Já é possível ver o quanto de resultados os chatbots têm gerado e existe uma grande chance de algumas funções serem substituídas completamente por robôs, como por exemplo os operadores de telemarketing, e isso pode acontecer até 2026 segundo ferramenta criada pela Universidade de Brasília para identificar o risco que uma função corre de ser trocada por robôs.

As soft skills são habilidades comportamentais que os robôs não possuem, pois são completamente ligadas a características humanas e por isso elas podem fazer de você um profissional relevante, atuando onde os robôs não podem atuar.

Em um momento onde muitos processos estão sendo automatizados é preciso que os profissionais sejam o mais humanos possíveis para se manterem no mercado.

O relatório de Tendências Globais de Talentos do LinkedIn pra o ano de 2019 trouxe um número interessante:

92% dos profissionais de RH dizem que as habilidades sociais (soft skills) são tão importantes – ou mais – do que as hard skills.

Se uma empresa quer crescer ela precisa inovar e para alcançar o sucesso na inovação é preciso ter:

  • Criatividade
  • Empatia
  • Capacidade de mudança de rumo e de atitude
  • Flexibilidade
  • Trabalho em equipe

Essas 5 habilidades apresentadas estão ligadas às soft skills e possuem em comum o fato de serem baseadas na Inteligência Emocional (IE).

Para o psicólogo e PhD da Universidade de Harvard, Daniel Goleman, conhecido como o pai da Inteligência Emocional, “a inteligência emocional separa profissionais incríveis da média”.

O que a inteligência emocional tem a ver com soft skills

A inteligência emocional é a capacidade de identificar, utilizar, compreender e gerenciar as emoções de maneira positiva, e como consequência ela ajuda os profissionais a construírem relacionamentos mais fortes e duradouros, a ter sucesso no trabalho e atingirem seus objetivos pessoais e profissionais.

Se levar em conta que a maioria das funções no mercado de trabalho exige algum tipo de relação interpessoal, seja com colegas de trabalho ou clientes, quanto maior o nível de inteligência emocional, melhores serão os resultados obtidos.

Invista nas soft skills

Investir no desenvolvimento das soft skills é dar passos largos para uma transformação na sua carreira e começar a conquistar o espaço desejado.

Eu mesmo dediquei 2 anos para estudar e adquirir soft skills com o objetivo de alcançar um nível superior na minha carreira e também poder ajudar outros profissionais a desenvolverem suas soft skills e darem um salto profissional.

E hoje eu continuo desenvolvendo essas soft skills junto com as hard skills e vou colhendo os frutos ao longo da jornada. Por isso eu digo a você que “investir no desenvolvimento de soft skills não é perda de tempo”.

Além de cursos, muita leitura e prática eu busquei a ajuda de um coach para me ajudar no processo de desenvolvimento das minhas soft skills e foi uma das melhores decisões que eu tomei na minha carreira, pois ele me ajudou a enxergar pontos que sozinho eu não conseguia ver e a desenvolver habilidades comportamentais que eu acreditava estarem boas, mas na verdade estavam me atrapalhando a avançar na carreira.

Ainda há muito preconceito aqui no Brasil quando falamos de coaching e de ter um coach, mas eu garanto a você, o papel do coach é fundamental no desenvolvimento de soft skills e pode ajudar qualquer pessoa que queira dar um novo rumo para sua carreira a fazer isso de forma consistente e direcionada.

Como eu posso te ajudar a desenvolver suas soft skills e alavancar sua carreira

Através de metodologias e técnicas mundialmente conhecidas e utilizadas por profissionais para alcançarem excelência, ajudo você a se desenvolver pessoal e profissionalmente para conquistar seu espaço no mercado de trabalho e realizar seus objetivos pessoais e profissionais.

Se você se interessou por isso e quer saber mais sobre como eu posso ajudar você a se tornar um profissional cada vez mais desejado pelas empresas, entre em contato comigo por email ou pelas redes sociais (links no rodapé), será uma honra conversar com você e te apresentar um programa desenvolvido especialmente para profissionais que estão em busca de subir de nível na carreira.

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x