fbpx
O ciclo de vida das versões do PHP

O PHP está atualmente na versão 7.4, que foi lançada oficialmente em Novembro de 2019, e além dessa versão ainda estão ativas as versões 7.2 e 7.3.

Cada versão do PHP possui um ciclo de vida de 2 anos a partir de seu lançamento oficial (versão estável), isso significa que ao longo desse tempo bugs e problemas de segurança que forem relatados pelos usuários e pela comunidade de desenvolvedores serão corrigidos e disponibilizados em versões pontuais regulares.

Passado esse período de 2 anos em que acontece o suporte ativo, cada versão passa a receber 1 ano de suporte adicional onde apenas problemas críticos de segurança serão corrigidos e as liberações dessas atualizações feitas conforme a necessidade, a depender do volume de correções.

Ao final desses 3 anos a versão perde o suporte, entrando em EOL (End of Life). É nesse momento que as empresas de hospedagem atualizam as versões disponíveis em suas configurações e os desenvolvedores e empresas devem (ou pelo menos deveriam) atualizar suas aplicações.

Versões ativas

Atualmente temos 3 versões ativas: 7.2, 7.3 e 7.4. Sendo que a versão 7.2 já está no período de suporte adicional, recebendo apenas atualizações de segurança, e esse suporte se encerra em 30 de novembro de 2020.

Veja a seguir uma tabela com as informações relacionadas às versões ativas e suas respectivas datas de lançamento e fim do suporte.

A importância de manter o servidor e as aplicações atualizadas

Ao atualizar a versão do PHP você ganha tanto em segurança quanto em performance, e também novas funcionalidades que são implementadas a cada versão.

Por exemplo, a versão 7.3 trouxe como novidades:

  • Flexibilidade de sintaxe Heredoc e Nowdoc;
  • Permitir vírgula à direita em chamadas de função e método;
  • Opção para fazer json_encode e json_decode lançar exceções em erros;
  • Atribuições de referências em list();
  • Função is_countable().

Já a versão 7.4 trouxe como novidades:

  • Typed Properties
  • Arrow Functions
  • Spread Operator em Arrays
  • Operador de atribuição null coalescing
  • FFI (foreign function interface)
  • Preloading

Para o PHP 8 está prometendo a implementação de compilação JIT (Just In Time), que é uma forma de otimizar o código de execução.

Se você mantém suas aplicações rodando sempre sob a última versão estável do PHP, pode aproveitar todos esses recursos e ainda contar com uma qualidade melhor de segurança.

Não deixe de atualizar a versão do PHP no servidor onde sua aplicação está rodando e também de atualizar a própria aplicação.

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x